Sem categoria

Será que sou saudosista?

Por Thiago Schadeck

A paz do Senhor Jesus!

Acho que estou ficando com a mania dos velhos de ser saudosista. Apesar de ter apenas 26 anos, vivi uma grande parte de minha vida na igreja e acompanhei a “transição” do cristianismo para o evangelicalismo. Da perseguição de ser crente à moda gospel. Dos louvores às músicas.

Infelizmente em 20 anos a Igreja do Senhor, no geral mas não generalizando, mudou muito e isso me causa um saudosismo, sim! Vou explicar as rezões pelas quais tenho saudade da igreja de minha infância e luto para que onde congrego hoje seja moderna, pois temos de evoluir, mas não perca a essência do Evangelho.

Vou fazer um comparativo entre o que via e o que vejo hoje, não sei se serei convincente, mas pode acreditar que é sincero.

Antigamente a única maldição que alguém carregava era não ter a vida entregue verdadeiramente a Cristo, pois todos reconheciam que nenhuma condenação (ou maldição) há para aqueles que estão em Cristo (Romanos 8:1), porque se alguém está em Cristo é uma nova criatura (2 Coríntios 5:17).

Hoje em dia faz-se mapeamento espiritual, árvore genealógica, regressão e outras macumbas gospeis para se descobrir onde está e quebrar a maldição, que pode ser hereditária ou não. Além disso, se você não tem uma vida abastarda, com muito dinheiro e saúde é porque está vivendo em maldição.

Antigamente as reuniões de oração eram pra clamar o favor do Senhor, suplicar pela sua misericórdia. A “mensagem” passada ao convidar a igreja para um culto de oração era que todos se prostrariam ao Senhor, se humilhariam, com arrependimento de seus pecados, porque assim Deus nos ouviria dos céus (2 Crônicas 7:14)

Hoje em dia quase não existem mais reuniões do oração. Elas foram substituídas pelas concentrações de fé e milagres. Não é necessário mais clamar, alias clamar virou falta de fé! Hoje nós determinamos, exigimos, brigamos com o anjo, colocamos Deus na parede e ele tem que atender nossos mimos, afinal somos ofertantes, dizimistas, mantenedores, patrocinadores, colunas ou qualquer outro nome que se possa dar. Acho engraçado e trágico ao mesmo tempo, quando dizem que temos de lutar com Deus como Jacó, porque ele venceu, mas ninguém diz que ele ficou manco pro resto da vida!

Antigamente evangelismo era sair à rua com folhetos geralmente bem simples, com mensagens genéricas e um carimbo com nome, endereço e horários de culto da igreja. Não se precisava de uma “marcha para Jesus” ou um “Show pela Vida” (entre outras micaretas gospel) para se sair a rua com uma camiseta que falasse de Cristo e mais, falar Dele para as pessoas.

Hoje em dia utiliza-se a desculpa de fazer evangelismo para promover cantores gospel, a igreja, seus líderes, pregar mensagens que massageiam o ego e acariciam nossas vaidades. As marchas que deveriam ser para Jesus tem um tom extremamente político (esse ano tem eleição, vamos ver quantos candidatos serão lançados nesses eventos).

Antigamente os cantores cristãos buscavam a inspiração no Espírito Santo para compor, as mensagens centrais eram Cristo, a salvação, a volta de Cristo. Deus era realmente exaltado através da música. Não havia cachê para se tocar em uma igreja, pois sabiam que se Deus deu o dom, deve ser usado para Ele. No máximo pediam para vender seus CDs no final do culto e uma ajuda para a gasolina, o que é totalmente aceitavel!

Hoje em dia os cantores gospel tem centenas de exigências, cobram uma verdadeira fortuna (entre 5mil e 30 mil reais) para “cultuar” a Deus com suas músicas. Musicas estas que falam de tudo, menos de Deus! Quando não é chuva é fogo, quando não é fogo é prosperidade, quando não é nenhum desses é sobre tomar posse. Ensinam através da música a “reconhecer quem somos em Cristo”, eu digo quem somos: Miseráveis pecadores que necessitam da graça de Deus a cada dia e por isso não temos o direito de exigir nem uma agulha sequer!

Como li num tweet essa semana (e de certa forma me inspirou esse post): Antigamente os louvores diziam “Senhor tu és…Senhor tu és…Senhor tu és…”, hoje eles dizem: “Eu sou…Eu sou…Eu sou…”. Triste realidade de nossos dias!

Antigamente o “cargo” máximo que alguém podia alcançar era o de Pastor. O título não era importante, pois o caráter valia mais que o carisma. Unção pastoral era medida pela vida de meditação e oração do pastor. Não eram necessários “milagres” ou “prodígios” para fazer as pessoas acreditarem na pregação.

Hoje em dia  o egocentrismo de líderes faz com que eles outorguem para si títulos de profeta, doutor em divindade, apóstolo e patriarca (antes de criticar, defenda esses títulos com base bíblica). A vida com Deus é medida pelo crescimento (apenas e tão somente numérico) de suas igrejas, pois o que importa é ter a maior igreja possível. Querem ocupar a TV, o rádio, a internet e qualquer outro meio de comunicação, porque eles tem a nova visão, revelação ou unção e todos precisam saber. gastam milhões de reais para sustentar um império “apostólico”(?) enquanto muitos membros de suas igrejas passam necessidades e não tem apoio.

O mundo tem mudado e lastimavelmente a igreja tem ido em seu vácuo. Saudades de alguns pastores que infelizmente se perderam no percurso, mas que ainda tem tempo de se arrepender e voltar ao verdadeiro caminho. Em outras épocas fui muito edificado com pregações de pastores que hoje me dão vontade de chorar ao ouvir seus nomes. Pastores que se venderam à prosperidade, ao luxo, ao status. Que negam que Jesus voltará, negam a soberania de Deus e apostatam da fé cada vez mais.

Oro e continuarei orando por um avivamento verdadeiro, centrado na bíblia e na vontade de Deus. Quero te convidar a colocar esse propósito em suas orações. Pode ser que nada mude ao seu redor, mas dentro de você certamente haverá uma grande mudança!

Por favor colabore comentando, gostaria de saber sua opinião. Mas faça isso com respeito, afinal você é um cristão né?

Que Deus te abençoe

@PregandoVerdade

Anúncios

9 comentários em “Será que sou saudosista?

  1. Querido, eu gostei muito do seu texto. Concordo com cada palavra dele! Não há problemas em você ser jovem e se sentir assim. Entendimento e bom senso não tem idade. Tenho 43 anos e admiro sua visão e . Mas me deu um aperto no coração. Tenho muita saudade dessa igreja simples e espiritual. Ouvindo desde ontem o Tabernáculo de Davi de Claudio Claro, pesquisando, e cheguei até este blog. Sou um ”desviado” e sinto muita saudade de Jesus e do Evangelho verdadeiro, aquele pregado com o coração e temor.

    Eu conheci uma igreja bem diferente desta de hoje… no início do anos 90. Eu era bem jovem, tinha apenas 21 anos, e Deus fez maravilhas em minha vida. Fui criado em lar evangélico tradicional (AD), mas apenas me encontrei com Jesus na IB Renovada. Foi tudo muito rápido e intenso… e eu tive meu primeiro amor nessa época. Palavra, oração, santidade, louvor! O Evangelho se tornou o centro da minha vida. Eu era feliz, evangelizava na rua, desejava ser missionário e estudava pra isso, Fui muito abençoado nesta igreja por pastores e irmãos que não sei onde estão ou que fim levaram. Um tempo maravilhoso que parece ter se perdido…

    Depois a abandonei por causa de calúnias e com mágoas. Problemas sérios que não gosto de lembrar, mas senti como se tivesse perdido o meu futuro.planejado com Deus. Perdi parte da minha identidade, que estava em Cristo. Até hoje penso que poderia ter outra vida… ser aquele missionário que profetizaram do coração de Deus. Sinto-me lesado, tão forte foi a experiência dessa época e a forma como a queda foi grande, Perdoei as pessoas, mas ainda dói bastante ter perdido meu maior tesouro, que nunca mais redescobri. Sinto um vazio que nada no mundo pôde preencher depois.

    Com novo anseio por Jesus, há 10 anos tentei retornar. Encontrei uma igreja brasileira muito diferente. Não reencontrei aquela unção, aquela pureza, aquele poder. Eu também mudei, não era mais um garoto idealista, mas… como eu queria retomar meu primeiro amor! Mas achei comércio da fé, macumba santa, sistematização de cultos, estrelas gospel, politicagem, G12, esfriamento do Espírito e flexibilização da Palavra em prol da aceitação popular. É chic ser crente, pois tem representantes no Congresso? Que triste. Pastores apóstatas e escândalos atrás de escândalos… não reconheci essa igreja com aquela da minha infância e juventude! Fiquei 2 anos procurando e me desviei de novo.

    Hoje, não sei que caminho seguir para voltar a Jesus. Perdi algo nos anos 90, mas que não acho no tempo e igrejas atuais. Muito me julgam por tolo, mas conheço meu coração. Não quero viver no passado, porém queria reencontrar ”aquele Cristo” e prosseguir onde paramos. Sei que pode ser utopia, mas desejo o futuro que Ele me prometeu, de servo e adorador. Será possível? Ele é o mesmo ontem, hoje e sempre. Mas eu não me sinto o mesmo, não sei mais onde o achar ou como me sentir vivo como naqueles bons tempos.

    Desculpem o saudosismo a quem leu até aqui. Apenas precisava desabafar e talvez pedir ajuda. Sofri muito na vida, mas hoje estou estabilizado e maduro. Apenas continuo vazio.

    Curtir

  2. Tenho saudades da igreja a qual falou em seu artigo irmão, estou propondo aos irmãos da igreja a qual faço parte(membro) a fazer evangelismo nas ruas com folhetinho simplesmente, mas não tenho tido sucesso. Vamos orar sim irmão………….que Deus tenha misericordia de nós!!!

    Curtir

  3. A igreja do Senhor tem que decidir o que seguir. Se segui as suas crenças particulares ou a palavra poderosa de libertação.
    Libertação? Ninguém fala mais na verdadeira libertação, libertação do pecado, fala em vitoria financeira “kkk”, palhaços brincando com o fogo eterno.
    Hoje em dia para cada problema um pastor receita um ato mistico que resolva, atos proféticos, maldição sem causa não opera na vida do crete, maldição vem do pecado. Então se ta em pecado só arrependimento resolve.
    Pecado? arrependimento?
    Outras duas palavras extintas de muitos púlpitos.
    Hoje é legal ser crente, não é nem um pouco difícil.
    A marca evangélica Gospel , CD’s, DVD’s, revistas e show .
    Já fui de tempo que ser crente não era nada bonito, por isso não admito esses novos na fé sem base bíblica vim falar em nova geração, com um cristianismo cheio de misticismos, bruxarias, cabala,
    por ai segue. Cristianismo esse que não tem nada haver com o amor pregado por cristo aquele que apendemos na escola dominical.
    Povo de Deus esta próximo o fim desse evangelho, o fim dos tempos essa banalização estar destruindo o mais belo do evangelho. Então temos que combater essas heresias, vigiarmos pois estamos cercados de falsos profetas cheios de si, não do espirito de Deus.
    O Apóstolo Paulo alertou-nos a respeito dessa época: “Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências.

    Curtir

  4. A respeito das várias constatações que o irmão colocou em seu texto, deixo algumas passagens do novo testamento para sua reflexão.
    E reflexão essa,que pode levar a conclusões temerárias em muitos casos…:

    2 Tess. 2

    …1. Ora, irmãos, rogamo-vos, pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo, e pela nossa reunião com ele,
    2. Que não vos movais facilmente do vosso entendimento, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como de nós, como se o dia de Cristo estivesse já perto.
    3. Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição,
    4. O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.
    5. Não vos lembrais de que estas coisas vos dizia quando ainda estava convosco?
    6. E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado.
    7. Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora resiste até que do meio seja tirado;
    8. E então será revelado o iníquo, a quem o Senhor desfará pelo assopro da sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda;
    9. A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira,
    10. E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem.
    11. E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira;
    12. Para que sejam julgados todos os que não creram a verdade, antes tiveram prazer na iniqüidade.

    Mat. 24

    …4. E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane;
    5. Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos.
    …11. E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos.
    12. E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará.
    …15 Quando, pois, virdes que a abominação da desolação, de que falou o profeta Daniel, está no lugar santo; quem lê, atenda;
    …23 Então, se alguém vos disser: Eis que o Cristo está aqui, ou ali, não lhe deis crédito;
    24. Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos.

    2 Pe 2

    1. E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.
    2. E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.
    3. E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.
    4. Porque, se Deus não perdoou aos anjos que pecaram, mas, havendo-os lançado no inferno, os entregou às cadeias da escuridão, ficando reservados para o juízo;
    5. E não perdoou ao mundo antigo, mas guardou a Noé, pregoeiro da justiça, com mais sete pessoas, ao trazer o dilúvio sobre o mundo dos ímpios;
    6. E condenou à destruição as cidades de Sodoma e Gomorra, reduzindo-as a cinza, e pondo-as para exemplo aos que vivessem impiamente;
    7. E livrou o justo Ló, enfadado da vida dissoluta dos homens abomináveis
    8. (Porque este justo, habitando entre eles, afligia todos os dias a sua alma justa, vendo e ouvindo sobre as suas obras injustas);
    9. Assim, sabe o Senhor livrar da tentação os piedosos, e reservar os injustos para o dia do juízo, para serem castigados;
    10. Mas principalmente aqueles que segundo a carne andam em concupiscências de imundícia, e desprezam as autoridades; atrevidos, obstinados, não receando blasfemar das dignidades;
    11. Enquanto os anjos, sendo maiores em força e poder, não pronunciam contra eles juízo blasfemo diante do Senhor.
    12. Mas estes, como animais irracionais, que seguem a natureza, feitos para serem presos e mortos, blasfemando do que não entendem, perecerão na sua corrupção,
    13. Recebendo o galardão da injustiça; pois que tais homens têm prazer nos deleites quotidianos; nódoas são eles e máculas, deleitando-se em seus enganos, quando se banqueteiam convosco;
    14. Tendo os olhos cheios de adultério, e não cessando de pecar, engodando as almas inconstantes, tendo o coração exercitado na avareza, filhos de maldição;
    15. Os quais, deixando o caminho direito, erraram seguindo o caminho de Balaão, filho de Beor, que amou o prêmio da injustiça;
    16. Mas teve a repreensão da sua transgressão; o mudo jumento, falando com voz humana, impediu a loucura do profeta.
    17. Estes são fontes sem água, nuvens levadas pela força do vento, para os quais a escuridão das trevas eternamente se reserva.
    18. Porque, falando coisas mui arrogantes de vaidades, engodam com as concupiscências da carne, e com dissoluções, aqueles que se estavam afastando dos que andam em erro,
    19. Prometendo-lhes liberdade, sendo eles mesmos servos da corrupção. Porque de quem alguém é vencido, do tal faz-se também servo.
    20. Porquanto se, depois de terem escapado das corrupções do mundo, pelo conhecimento do Senhor e Salvador Jesus Cristo, forem outra vez envolvidos nelas e vencidos, tornou-se-lhes o último estado pior do que o primeiro.
    21. Porque melhor lhes fora não conhecerem o caminho da justiça, do que, conhecendo-o, desviarem-se do santo mandamento que lhes fora dado;
    22. Deste modo sobreveio-lhes o que por um verdadeiro provérbio se diz: O cão voltou ao seu próprio vômito, e a porca lavada ao espojadouro de lama.

    Curtir

  5. Incrível seu artigo, por um momento pensei que fosse só eu que pensasse assim kkk
    Vejo hoje igrejas cada vez mais cheias, com gente saindo pelas portas. Mas infelizmente essas multidões são atraídas por promessas de prosperidade e cura. Os “louvores” (Se é que ainda podem se chamar assim) são para louvar o homem, colocá-lo em um pedestal e fazê-lo acreditar que o mundo gira em volta do seu umbigo. Deus virou uma espécie de gênio da lâmpada, pronto a atender todos os pedidos e “ordens” do homem.
    Onde está a verdadeira Palvra de Deus, que nos corrige, mostra nossos erros, mostra o quanto somos falhos e pecadores, que nos ensina e nos leva a viver uma vida de santidade e adoração? ONDE ESTÁ O VERDADEIRO EVANGELHO SENDO PREGADO??? ONDE ESTÁ A VERDADEIRA ADORAÇÃO AO SENHOR JESUS???
    Perdoem o meu desabafo, e oremos irmãos, para que outros também venham ter os olhos abertos para esta triste, porém presente realidade, e busque se santificar e fugir das ciladas dessa onda neopentecostal.
    A paz do Senhor esteja convosco

    Curtir

  6. Muito bom seu artigo, concordo plenamente com tudo que você escreveu, e vamos sim orar para que Deus realize no nosso meio um verdadeiro avivamento e que levante novas pessoas com propósitos de revolucionar esse mundo fazendo a vontade de Deus a cada dia.

    Parabéns pelo artigo!

    Curtir

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s