A Igreja sempre será oposição a QUALQUER GOVERNO!

A igreja é oposição a qualquer governo

Por Thiago Schadeck,

Estamos a uma semana das eleições que decidirão o presidente, governador, os senadores e os deputados que tomarão posse do mandato em primeiro de janeiro do ano que vem. Não é de hoje que a internet está em pé de guerra por conta do pleito, principalmente para presidente. Pessoas, de ambos os lados, invadem as redes sociais de outras para criticar, ofender e tentar empurrar goela abaixo seus ideias.

Obviamente que você pode, e deve, ter um candidato em que votará acreditando que ele é o melhor para o momento do país e que nos ajudará a sair desta crise em que o país está afundado. Escolha o candidato que vai mais ao encontro de seus ideias e sua visão política. Graças a Deus, vivemos em uma democracia e somos livres para votarmos em quem quisermos, sem necessidade de explicação ou prestação de contas.

Fato é que a Igreja, com sua voz profética, deverá ser uma ferrenha oposição ao governo, seja ele qual for. Da extrema direita à extrema esquerda, qualquer candidato que for eleito deverá receber as orações e cobranças da Igreja. O único sistema de governo que o mandatário não tinha de ser corrigido era a teocracia, em todos os demais, os governantes eram passíveis de erros e correções.

Os reis de Israel eram corrigidos sempre que cometiam algum erro. Deus sempre levantou os seus profetas para cobrar que o governante voltasse ao seu propósito original. Traçando um paralelo com nossos dias, o propósito dos nossos governantes é que todos tenham, no mínimo, o básico de boa qualidade. Saúde, educação e segurança, por exemplo, gratuita e de qualidade, dado que pagamos impostos altíssimos e que, via de regra, não são aplicados no bem estar da população.

Vale lembrar que João Batista perdeu, literalmente, a cabeça por ser oposição ao governo de Herodes, que estava devastando Israel. Os apóstolos foram mortos por se opor aos desmandos dos imperadores. Não é certeza que enfrentaremos a morte para garantir a ordem em nosso país, mas temos a obrigação de militar em favor do que cremos, custe isso o que custar.

Seja eleito o Bolsonaro, Haddad, Ciro, Alkimin, Marina, Cabo Daciolo, João Amoedo ou Guilherme Boulos, eles não podem ter sossego, porque a Igreja lhe fará oposição ferrenha e mostrará que é luz e sal nessa terra.

Anúncios

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.