Não Categorizado

PARÁBOLA: A TABUADA E A BÍBLIA

Por Thiago Schadeck

Um garoto fazendo sua lição de matemática deveria colocar em uma folha todas as tabuadas, do 1 ao 10. Por ter muita dificuldade com números, pediu ajuda a mãe que pacientemente o ensinou a resolver cada questão. Em poucas horas o garoto era capaz de falar de cór e salteado qualquer resultado das tabuadas que havia estudado e estava irradiante por isso.

  • “Sou o novo gênio da matemática!” – gritava ele.

Vendo aquilo, sua mãe o chamou para conversar e lhe explicou que a matemática não se resumia à tabuada e que existiam temas dentro da própria matemática que eram infinitamente mais complexas que aquilo que ele tinha conseguido decorar.

-“Meu filho, saber a tabuada de cór significa que você compreendeu uma partícula muito pequena da matemática. Algo muito significativo para alguém de sua idade, mas é o básico da matéria. Para se considerar um conhecedor da matéria você precisa se dedicar a muito mais que decorar uma porção de contas simples. É necessário saber interpretar os números e atender às demandas, sejam de quais áreas forem.” – explicou a mãe.

A semelhança do garoto com os crentes de hoje:

Muiros crentes pensam que por saber meia dúzia de versículos de cór já são mestres em bíblia e que são os novos gênios da teologia.

O problema em comum entre o garoto e a nossa geração gospel é que eles sabem uma partícula da matéria – matemática para o garoto e bíblia para os crentes – mas não sabem o que fazer com isso. Os crentes são capazes de citar dezenas de versículos pela memória, mas não conseguem explicar o mais simples contexto no qual estão inseridos e qual seria sua aplicação para os dias de hoje. Isso acontece principalmente com Malaquias 3:8-10, sobre os dízimos e os homens que roubam a Deus; Filipenses 4:13, em que tudo posso naquele que me fortalece; Mateus 6:33, acerca de buscar primeiro o reino de Deus e ter as demais coisas acrescentadas. Claro que esses são apenas alguns, existem muitos outros.

Talvez a nossa geração seja a que mais tem versículos decorados, afinal eles são incutidos sistematicamente na mente das pessoas para manupulá-las àquilo que se deseja alcançar delas. Não precisam explicar o que significa “poder tudo naquele que nos fortalece”, só é necessário que a pessoa acredite que ela tem superpoderes celestiais. Por que fazer as pessoas se preocuparem com a salvação etrerna, se o que eles querem mesmo é ouvir que são o xodózinho de Jeová? Lamentavelmente, os crentes não sabem ao menos o básico de bíblia.

Resumindo: para ser um matemático ou um cristão verdadeiro é necessário muito mais que saber um pequeno trecho do todo. O verdadeiro cristão tem sede de conhecer mais sobre seu Senhor, através de Sua Palavra.

Não se contente apenas em saber o que a Bíblia diz, mas em aplicar tudo o que ela ensina.

Anúncios

Um comentário em “PARÁBOLA: A TABUADA E A BÍBLIA

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s